Policial
Postado em: 22/11/2012 às 14h17
Polícia reconstitui mortes de quatro suspeitos de contrabando

 A polícia reconstituiu a morte de quatro suspeitos de ter roubado uma caminhonete em Caçu, no final de outubro deste ano. De acordo com a polícia, o grupo tentava fugir com o veículo quando foi surpreendido e reagiu. Na troca de tiros com os agentes, os criminosos acabaram morrendo. Parentes acusam a polícia de execução.


A reconstituição foi feita a pedido da família dos quatro rapazes. A intenção é investigar se a reação da polícia foi ou não excessiva. Parentes não foram autorizados a acompanhar a perícia de perto. O irmão de dois dos mortos ficou revoltado. “Já chega no momento em que eles fizeram a versão que eles quiseram, e agora está fazendo do mesmo jeito. Não tem prova nenhuma porque ninguém está vendo a reconstituição”, diz Márcio Teixeira.

Os três policiais que estavam a serviço no dia do tiroteio participaram da reconstituição. Peritos da polícia Técnico Científica e delegados refizeram toda a movimentação baseada no depoimento dos PMs. A barreira foi montada em frente ao posto da Polícia Rodoviária Estadual, na GO-206, que dá acesso à cidade de Caçu. É neste ponto que os policiais do Comando de Operações de Divisa dizem ter começado a perseguição.

“A princípio, de acordo com o uso escalonado da força, não tinha como evitar o confronto”, diz o oficial da Corregedoria da PM, capitão Sandro Batista.

Assim que foi concluído trabalho na rodovia, o grupo seguiu para uma estrada vicinal, a três quilômetros do posto. Mas imagens do local só puderam ser feitas quando o trabalho dos peritos foi concluído. “Cada um deu a posição exata dos corpos e no final confrontamos o que cada um falou”, diz o perito Fredson Cruz.

O caso

A perseguição policial aconteceu no dia 25 de outubro. Os supostos contrabandistas fugiam em uma caminhonete roubada. De acordo com a polícia, depois de furtar o carro, durante a madrugada, o grupo seguiu em pela rodovia estadual, quando se deparou com uma barreira policial. Os suspeitos teriam retornado e tentado fugir por uma estrada vicinal, quando ocorreu a troca de tiros.

No carro, foram encontrados maconha, R$ 10 mil e um rádio comunicador de uso restrito. A polícia acredita que eles formavam uma quadrilha. Todos já tinham passagens por contrabando.

Fonte: G1


Compatilhe/ Comente:
Outras notícias sobre Policial
16/10/2014
Ação da PF detém suspeito de armazenar pornografia infantil em GO
15/09/2014
PM apreende 41 celulares furtados no Festival Villa Mix em Goiânia
14/09/2014
Grupo arromba caixa eletrônico dentro de banco no Centro de Goiânia